Amor Extravagante


AMOR EXTRAVAGANTE

(Baseado nos relatos de Marcos 14.3-9, Mateus 26.6-13 e João 12.1-8).

   Seis dias antes da Páscoa, foi Jesus para Betânia, onde estava Lázaro, a quem ele ressuscitara dentre os mortos. Deram-lhe, pois, ali, uma ceia. Então, Maria, tomando um frasco de alabastro com um preciosíssimo nardo puro, quebrou-o e derramou o bálsamo sobre a cabeça e os pés de Jesus, e os enxugou com os seus cabelos; e encheu-se toda a casa com o perfume.

   Alguns entre eles indignaram-se e diziam: Para que este desperdício de bálsamo?  Porque este perfume poderia ser vendido por mais de trezentas moedas e dar-se aos pobres. E murmuravam contra ela. Mas Jesus, sabendo disto, defendeu-a: Por que molestais esta mulher? Ela praticou boa ação para comigo; pois, derramando este perfume sobre o meu corpo, ela antecipou-se a ungir-me para a sepultura. Em verdade vos digo: Onde for pregado em todo o mundo este evangelho, será também contado o que ela fez, para memória sua.

Maria, sem dúvida, fez uma extravagante demonstração do seu amor e devoção para com o Filho de Deus, pois aquele caríssimo frasco de perfume custava, naquela época, o equivalente a 300 dias de trabalho de um homem.

Quais foram as consequências deste amor extravagante?

1. ELA AGRADOU A DEUS (Jesus disse: “Ela praticou boa ação para comigo”)
Como podemos agradar a Deus? FAZENDO O NOSSO MELHOR. Ex.:

  • Sendo a melhor expressão viva de (“Sem fé é impossível agradar a Deus” – Hb 11.6);
  • Sendo a melhor expressão viva de AMOR A DEUS (“Amarás o Senhor teu Deus de todo o seu coração” – Mc 12.30);
  • Sendo a melhor expressão viva de AMOR AO PRÓXIMO (“Amarás o teu próximo como a ti mesmo” – Mc 12.31);
  • Sendo a melhor expressão viva de SANTIDADE (“Os que estão na carne não podem agradar a Deus – Rm 8.8);
  • Sendo a melhor expressão viva de GRATIDÃO (“Agradou-se o SENHOR de Abel e de sua oferta, ao passo que de Caim e de sua oferta não se agradou”  – Gn 4.3-5).
  • Etc.

2. ELA PERFUMOU TODO O AMBIENTE E TAMBÉM FICOU PERFUMADA
Quando demonstramos o nosso amor para com Deus com atitudes generosas, o ambiente e as pessoas ao nosso redor são influenciados de uma maneira maravilhosa, e nós mesmos também ficaremos “perfumados”. O que fazemos para Deus reflete no próximo e em nós mesmos.

“Porque nós somos para com Deus o bom perfume de Cristo, tanto nos que são salvos como nos que se perdem” (2 Coríntios 2.15).

3. ELA RECEBEU PROMESSA DE DEUS (Jesus prometeu para Maria:“Onde for pregado em todo o mundo este evangelho, será também contado o que ela fez, para memória sua”.

A Bíblia contém centenas de promessas; várias delas, no entando, são condicionais. Desta categoria, podemos destacar duas:

  • Ao generoso (como Maria): “A alma generosa prosperará, e o que regar também será regado” (Pv 11.25).
  • Ao fiel: “Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida” (Apocalipse 2:10).Jesus Cristo é o “sim” de todas as promessas de Deus (II Coríntios 1.20).


Conclusão:

Com esta extravagante atitude de amor, Maria:
a) Agradou a Deus
b) Perfumou o seu ambiente e a si mesma
c) Recebeu uma promessa direta de Deus (que tem sido cumprida até os dias de hoje)




Sugestão de dinâmica:
– Pedir aos participantes que digam qual é o perfume de sua preferência (e como foi que conheceram este perfume).
– Pedir que alguém conte da alegria de ter ganhado um bom perfume.

Perguntas:
– O que você acha desta história, o que ela significa para você?
– O que você acha que Deus espera de você? Por que?

Updated: janeiro 19, 2015 — 9:55 pm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2018 Frontier Theme